Ver todas Notícias

Duas pessoas foram presas em Salvador na terceira fase da Operação Adsumus, deflagrada pelo Ministério Público Estadual, com apoio das polícias Civil e Rodoviária Federal, nesta terça-feira (11), que busca desarticular um esquema irregular de contratação de obras, locação de maquinário e realização de serviços públicos em Santo Amaro, no recôncavo baiano. Os nomes dos presos não foram divulgados pelo MP. Dois empresários, Paulo Vasconcelos e Roberto Santana, não foram localizados e estão foragidos. Na operação, o MP investiga que, além de Santo Amaro, em cerca de 45 municípios baianos ocorram fraudes em processos licitatórios, com empresas de fachada formadas por sócios laranjas. Foram cumpridos oito mandados de busca e apreensão nas cidades de Salvador, Feira de Santana, Santo Amaro, Lauro de Freitas, Camaçari, Muritiba e Ipirá. Os contratos investigados somam R$ 370 milhões. Somente em Santo Amaro, as fraudes são avaliadas em R$ 24 milhões. “A verdade é que quando a investigação avança descobrimos empresas de fachada para aparentar legalidade em processo licitatórios. Umas ganham, outras não ganham as licitações. é apenas para fingir o processo licitatório concorrido. Em algumas empresas, descobrimos que os sócios são laranjas”, disse o promotor de Justiça de Santo Amaro, Aroldo Pereira. Dois alvos de condução coercitiva não foram localizados e outras duas pessoas foram levadas para depoimento. Todos os mandados de condução foram cumpridos em casas dos investigados. Foram apreendidos documentos, pen drives e computadores. Os presos nesta terça-feira serão interrogados e levados para o Complexo Penitenciário da Mata Escura, em Salvador.

 

 

Fonte: G1

O ex-presidente cubano Fidel Castro considerou neste domingo (9) que o candidato republicano à Casa Branca, Donald Trump, ficou "desqualificado" durante o primeiro debate com sua rival democrata Hillary Clinton, há duas semanas. "Não esqueçamos que neste domingo haverá debate de candidatos" nos Estados Unidos, disse Fidel Castro em um artigo publicado na imprensa cubana. "Na primeira ocasião, há duas semanas, houve um (debate) que causou comoção. O senhor Trump que se achava um capacitado especialista foi desqualificado", afirmou o ex-presidente da ilha. A postura de Fidel Castro parece ser um sinal das inclinações de Havana. Hillary Clinton é abertamente partidária de continuar com a política de aproximação com Cuba, enquanto Trump parece optar por uma política mais fechada em relação ao governo de Havana. Sempre ouvido na ilha, Fidel Castro, de 90 anos, nunca questionou a inflexão da diplomacia de seu irmão, embora sempre deixe claro sua desconfiança em relação a Washington e ao presidente Obama, artífice do degelo entre ambos os países.

 

 

Fonte: G1

Um jovem de 21 anos foi morto, após uma ação da PM no bairro Andorinhas, em Vitória, na madrugada deste domingo (9). Revoltados, moradores alegaram que o rapaz estava desarmado e não ofereceu resistência, e foi morto com um tiro nas costas pelos policiais. Os moradores decidiram fechar a Ponte da Passagem durante a manhã como forma de protesto. Eles prometem retornar ao local durante a tarde. Procurada pelo G1, a Polícia militar informou, em nota, que, "durante o patrulhamento do Grupo de Apoio Operacional (GAO), os policiais se depararam com um indivíduo, portando arma de fogo, que efetuou disparos contra os PMs. Os policiais revidaram a injusta agressão e atingiram o suspeito, que foi a óbito." De acordo com moradores, policiais do GAO entraram no bairro atirando, por volta das 2h. Muitas pessoas estavam na rua bebendo e lanchando, quando, segundo eles, a viatura do GAO chegou na contramão, pela rua Nestor Pedro, e se deparou com um grupo de amigos que estava bebendo na Leitão da Silva. Tiros foram disparados e houve correria. Uma das pessoas que correu é Rafael Moraes da Silva, auxiliar de refrigeração. Ele seguiu até o beco Hugo Abílio Rico, onde foi cercado por policiais e, segundo moradores do beco, se rendeu e deitou no chão. Nesse momento, policiais se aproximaram e deram dois tiros nas costas. PMs arrastaram Rafael até o veículo onde ele foi colocado. Cerca de 30 minutos depois, chegaram ao Hospital São Lucas. A mãe dele, uma diarista de 43 anos, contou que o filho já teve passagem na polícia, quando era menor, por tráfico de drogas, mas que era um rapaz tranquilo e estava trabalhando como auxiliar de refrigeração. Ele teria ido ao bairro para visitar a namorada. Por volta das 6h, moradores fizeram um protesto na Ponte da Passagem, fechando as duas vias. Eles deixaram o local após serem dispersados pela polícia. No relatório da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), consta que policiais foram surpreendidos por tiros ao entrar no bairro e revidaram. Os policiais disseram que, com Rafael, foi apreendida uma pistola .40, cuja numeração bate com a de uma pistola roubada de um policial civil em São Torquato, Vila Velha.

 

 

Fonte: G1

O Aerosmith será uma das atrações do Rock in Rio 2017, confirmou a organização do evento nesta quinta-feira (6). A banda liderada por Steven Tyler se apresenta no dia 21 de setembro, o dia do rock n' roll, segundo o festival. O Rock in Rio já havia confirmado Red Hot Chili Peppers e Maroon 5. O festival acontecerá entre os dias 15 e 24 de setembro do ano que vem, no Rio. O quinteto de rock foi formado em Boston, nos Estados Unidos, em 1970. Ele já lançou 15 álbums de estúdio, sendo o mais recente de 2012. Os maiores sucessos do grupo são "Dream On", "Walk This Way", "Angel", "Love in an Elevator", "Janie's Got a Gun", "I Don't Want to Miss a Thing" e "Jaded". O show no Rock in Rio será a sétima passagem do Aerosmith pelo Brasil e a primeira apresentação no festival. A visita inaugural aconteceu em 1994. Depois, o grupo voltou em 2007, 2010, 2011 e 2013. Eles também têm shows marcados por aqui neste mês. O Aerosmith passa pelo anfiteatro Beira Rio, em Porto Alegre, no dia 11; no Allianz Parque, em São Paulo, no dia 15; e no Classic Hall, em Recife, no dia 21. O Red Hot Chili Peppers veio pela última vez ao Brasil em 2013. Em 2001, fez um show para 250 mil pessoas no Rock in Rio, um recorde de público para o evento. Nesta edição, fará o encerramento, no dia 24 de setembro. Marcado pelo punk, funk rock e psicodélico, o Red Hot já gravou hits como "Californication", "Give It Away" e "Under the Bridge". "The Getaway", seu mais recente álbum, foi lançado em junho. A banda liderada por Anthony Kiedis está em turnê para divulgar o disco. Em uma enquete lançada pelo festival para descobrir as atrações mais desejadas pelos fãs, o grupo era uma das opções. Ao anunciar a escolha, a organização do Rock in Rio disse que o Red Hot é um dos nomes mais pedidos pelo público. Em agosto, o evento anunciou sua primeira atração: a banda pop americana Maroon 5. O grupo de Adam Levine vai encerrar a segunda noite de shows na próxima edição.

 

 

Fonte: G1

A Justiça do Distrito Federal condenou o ex-ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Joaquim Barbosa a indenizar o jornalista Felipe Recondo, por supostas ofensas proferidas em 2013. A decisão atende a um recurso do jornalista, mas Barbosa ainda pode recorrer no Tribunal de Justiça do DF. A indenização por danos morais foi fixada em R$ 20 mil. A assessoria de Barbosa também disse que não vai comentar o assunto, e não informou se pretende recorrer da decisão. Em março de 2013, Barbosa saía de reunião do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) quando foi abordado por Recondo – à época, repórter do jornal "O Estado de S. Paulo". O jornalista começou a fazer uma pergunta, e foi respondido com rispidez por Barbosa. "Me deixa em paz, rapaz. Me deixa em paz. Vá chafurdar no lixo como você faz sempre. [...] Estou pedindo, me deixe em paz. Já disse várias vezes ao senhor. [...] Eu não tenho nada a lhe dizer. Não quero nem saber do que o senhor está tratando", disse. A resposta foi gravada em áudio e em vídeo. Na primeira decisão, emitida anteriormente pela 4ª Turma Cível, o pedido de indenização tinha sido considerado improcedente. No julgamento desta quinta, 3 dos 5 desembargadores votaram a favor da indenização por danos morais. Durante o julgamento, um dos desembargadores do TJ do DF levantou uma questão preliminar, indicando que o jornalista deveria processar a União porque o ministro, no momento do confronto, agia como presidente do STF. A proposta foi rejeitada pela 4ª Turma Cível.

 

Fonte: G1

 

O ministro Teori Zavascki, do Supremo Tribunal Federal, determinou hoje a divisão em quatro inquéritos da maior e principal investigação da Operação Lava Jato no Supremo Tribunal Federal (STF), que apura se existiu uma organização criminosa, com a participação de políticos e empresários, para fraudar a Petrobras. Com a decisão, tomada após pedido do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva passa a ser alvo de um desses inquéritos, o que vai apurar a atuação do PT no esquema investigado. Outros políticos que também serão investigado são o deputado cassado e ex-presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), e o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL). O chamado "inquérito-mãe" da Lava Jato tinha oficialmente 39 investigados – a maioria do PP. Agora, serão 66 investigados: o inquérito sobre o PP terá 30 investigados; o do PT, 12 investigados, entre eles o ex-presidente Lula; o do PMDB no Senado, nove; e o do PMDB na Câmara, 15. Isso porque, apesar de ser um esquema amplo na Petrobras, as investigações apontam para existência de subesquemas na estatal, na qual cada partido dominava uma diretoria e atuava em desvios nos contratos de cada uma delas. As investigações apontam que o PP atuava para desviar valores da Diretoria de Abastecimento. A partir daí, havia pagamento de propina a políticos do partido. Já o PT atuava nos contratos da Diretoria de Serviços, enquanto o PMDB tinha como foco desviar recursos da Diretoria Internacional, segundo as investigações. Pedido de fatiamento Ao pedir o fatiamento da maior e principal investigação da Operação Lava Jato, Janot afirmou que os partidos PP, PT e PMDB se organizaram internamente para cometer crimes contra a administração pública, Por isso, justificou o procurador, a apuração deve ser dividida para "melhor otimização do esforço investigativo". Para Janot, o pedido de divisão não muda o fato de que existiu "uma teia criminosa única" na estatal. "Os elementos de informação que compõem o presente inquérito modularam um desenho de um grupo criminoso organizado único, amplo e complexo, com uma miríade de atores que se interligam em uma estrutura com vínculos horizontais, em modelo cooperativista, em que os integrantes agem em comunhão de esforços e objetivos, e outra em uma estrutura mais verticalizada e hierarquizada, com centros estratégicos, de comando, controle e de tomadas de decisões mais relevantes", disse o procurador no pedido."Como destacado, alguns membros de determinadas agremiações organizaram-se internamente, valendo-se de seus partidos e em uma estrutura hierarquizada, para cometimento de crimes contra a administração pública", afirmou.Janot considerou que o fatiamento vai racionalizar os trabalhos. "Com isso, poderá ser atribuída ordenação e organização das ações, melhor controle e percepção da realidade criminosa, melhor avaliação das hipóteses e racionalização dos meios a serem empregados durante os trabalhos." Lula Com a decisão de Teori, Lula passa a ser investigado em dois inquéritos no STF, já que ele já era investigado por tentativa de obstrução à Justiça. Além disso, o ex-presidente é réu na Justiça do Distrito Federal por tentativa de atrapalhar a delação do ex-diretor da Petrobras Nestor Cerveró e réu na Justiça do Paraná por suspeita de corrupção em razão da relação que mantinha com a construtora OAS. Veja quem será investigado em cada um dos quatro novos inquéritos da Lava Jato: Núcleo do PT (12 investigados) - Antonio Palocci, ex-ministro - Delcídio do Amaral (sem partido-MS), senador cassado - Edinho Silva, ex-ministro e prefeito eleito de Araraquara (SP) - Erenice Guerra, ex-ministra - Giles Azevedo, ex-chefe de gabinete de Dilma - Jaques Wagner, ex-governador da Bahia - João Vaccari Neto, ex-tesoureiro do PT - José Carlos Bumlai, pecuarista - Luiz Inácio Lula da Silva, ex-presidente da República - Paulo Okamoto, presidente do Instituto Lula - Ricardo Berzoini (PT-SP), ex-ministro e ex-deputado - Sérgio Gabrielli, ex-presidente da Petrobras Núcleo do PMDB da Câmara (15 investigados) - Alexandre Santos (PMDB-RJ), ex-deputado federal - Altineu Cortês (PMDB-RJ), deputado federal - André Esteves, sócio do banco BTG Pactual - André Moura (PSC-SE), líder do governo na Câmara - Aníbal Gomes (PMDB-CE), deputado federal - Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP), deputado federal - Carlos Willian (PTC-MG), ex-deputado federal - Eduardo Cunha (PMDB-RJ), deputado cassado e ex-presidente da Câmara - Fernando Soares, conhecido como "Fernando Baiano", lobista - Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN) - Lúcio Bolonha Funaro, doleiro - João Magalhães (PMDB-MG), deputado estadual - Manoel Júnior (PMDB-PB), deputado federal - Nelson Bounier (PMDB-RJ), ex-deputado federal e prefeito de Nova Iguaçu (RJ) - Solange Almeida, ex-deputada e prefeita de Rio Bonito (RJ) Núcleo do PMDB do Senado (9 investigados) - Edison Lobão (PMDB-MA), senador e ex-ministro - Jader Barbalho (PMDB-PA), senador - Jorge Luz, lobista - Milton Lyra, lobista - Renan Calheiros (PMDB-AL), presidente do Senado - Romero Jucá (PMDB-RR), senador - Sérgio Machado, ex-senador e ex-presidente da Transpetro - Silas Rondeau, ex-ministro - Valdir Raupp (PMDB-RO), senador Núcleo do PP (30 investigados) - Aguinaldo Ribeiro (PP-PB), deputado federal e ex-ministro - Aline Correa (PP-SP), ex-deputada federal - Arthur Lira (PP-AL), deputado federal - Benedito Lira (PP-AL), senador - Carlos Magnos Ramos (PP-RO), ex-deputado federal - Ciro Nogueira (PP-PI), senador - Dilceu Sperafico (PP-PR), deputado federal - Eduardo da Fonte (PP-PE), deputado federal - Gladson Cameli (PP-AC), senador - Jerônimo Goergen (PP-RS), deputado federal - João Pizzolatti (PP-SC), ex-deputado federal - João Leão (PP-BA), vice-governador da Bahia - José Linhares (PP-CE), ex-deputado federal - José Otávio Germano (PP-RS), deputado federal - Lázaro Botelho (PP-TO), deputado federal - Luis Carlos Heinze (PP-RS), deputado federal - Luiz Fernando Faria (PP-MG), deputado federal - Nelson Meurer (PP-PR), deputado federal - Renato Molling (PP-RS), deputado federal - Roberto Balestra (PP-GO), deputado federal - Roberto Britto (PP-BA), deputado federal - Simão Sessim (PP-RJ), deputado federal - Vilson Covatti (PP-RS), ex-deputado federal - Waldir Maranhão (PP-MA), deputado federal - Luiz Argolo (SD-BA), ex-deputado federal (era filiado ao PP) - Pedro Correa (PP-PE), ex-deputado federal - Mário Negromonte (PP-BA), ex-deputado federal e conselheiro do TCE-BA - Missionário José Olímpio (DEM-SP), deputado federal (era filiado ao PP)

 

 

Fonte: G1

Um ladrão de moto foi morto por um sargento da Polícia Militar (PM), na noite dessa quinta-feira (29), em Contagem, na região metropolitana de Belo Horizonte. O policial de folga, estava em sua motocicleta, na rua Rio Elba, no bairro Novo Riacho, quando dois homens se aproximaram, sendo que um deles estava armado, e mandaram que a vítima entregasse o relógio e a chave do veículo. O policial entregou o relógio para o adolescente de 17 anos, que fugiu. Em seguida, o outro suspeito subiu na moto, mas antes de fugir, apontou a arma para o PM que também sacou sua arma, dizendo ser da polícia e mandando que o ladrão deitasse no chão. Como ele não obedeceu, foi atingido por dois tiros. O sargento acionou a PM e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mas as balas que acertaram uma das axilas e um dos braços do suspeito o mataram. Até o momento, ele não foi identificado. O comparsa foi encontrado pela PM e o relógio foi recuperado. Ele foi encaminhado para uma delegacia.

 

 

Fonte: O tempo

Lady Gaga será a principal atração do show de intervalo da final do campeonato de futebol americano dos Estados Unidos. O Super Bowl, como é conhecido o maior evento televisivo americano, acontecerá no dia 5 de fevereiro de 2017. A cantora revelou a participação em sua conta no Twitter. "Não é uma ilusão. Os rumores são verdadeiros. Este ano o Super Bowl se tornará GAGA!", escreveu. A publicação é uma referência a "Perfect illusion", single que ganhou clipe no último dia 21. Essa será a segunda participação de Gaga no evento. Ela cantou o hino norte-americano na 50ª edição, em fevereiro de 2016. O show do intervalo deste ano foi encabeçado pelo Coldplay, que contou com a participação de Bruno Mars e Beyoncé. O Super Bowl tem o status de maior evento televisivo dos Estados Unidos. Em 2016, a final teve uma média de 111,9 milhões de espectadores.

 

 

Fonte: G1

Os últimos bombardeios sobre a zona leste de Aleppo, no norte da Síria, deixaram 338 mortos, sendo 106 crianças, e 846 feridos (251 crianças), em meio ao colapso do sistema de saúde da cidade, informou nesta sexta-feira (30) a Organização Mundial da Saúde (OMS). "Até pouco tempo atrás havia oito hospitais que funcionavam em Aleppo, nenhum deles em sua capacidade total". "No entanto, nos últimos dias, os dois maiores hospitais foram atacados deliberadamente, o que reduziu fortemente a capacidade do sistema de saúde", declarou o diretor de Emergências da OMS, o médico australiano Rick Brennam. O representante da OMS também confirmou que agora restam "menos de 30 médicos" na parte oriental de Aleppo, que seguem prestando atendimento às vítimas, "apesar do tremendo esgotamento físico e emocional que estão sofrendo". "O trabalho que esses profissionais estão fazendo vai além do heroísmo", opinou Brennam. A OMS, que conhece em detalhe a situação na zona leste de Aleppo através do pessoal médico que continua trabalhando e de ONG locais, afirmou que desde que os bombardeios se intensificaram nas últimas duas semanas, 338 pessoas morreram, incluindo 106 menores de idade. "Temos quatro reivindicações: que interrompam os assassinatos, que parem os ataques contra centros de saúde e que se permita a remoção de doentes e feridos e a entrada de ajuda", resumiu Brennam. O representante da OMS sustentou que os médicos e os profissionais de saúde estão prestando atendimento aos feridos sem o material mínimo necessário. "Venho trabalhando há 23 anos em assistência humanitária e estive em zonas de conflito em quatro continentes, mas raramente vi condições tão graves como a do leste de Aleppo. Isto vai além do imaginável", comentou o especialista. Brennam disse que há pouco tempo estimava-se que havia 135 leitos disponíveis nos oito centros de saúde do leste de Aleppo, mas os ataques contra os dois últimos hospitais reduziram drasticamente essa capacidade. O representante da OMS descreveu uma situação na qual civis e crianças precisam receber atendimento no chão, no meio dos corredores dos poucos hospitais que seguem funcionando. "Quatro crianças morreram nos últimos dias porque a unidade de terapia intensiva (UTI) estava cheia", lamentou Brennam. A OMS tem equipamentos e provisões médicas posicionadas há semanas nos arredores de Aleppo, que são suficientes para atender 140 mil pessoas. No entanto, por causa dos combates, esse material não pode ser levado até o leste da cidade. Além disso, Brennam pediu que seja permitido remover os doentes e feridos mais graves, que poderiam ser conduzidos a hospitais do norte da Síria, na região próxima da fronteira com a Turquia, que foram preparados para recebê-los. A OMS mantém contatos com as autoridades sírias e russas - que oferecem apoio militar ao regime de Bashar al Assad - para que estes permitam que a organização cumpra com sua missão e que os ataques contra hospitais sejam interrompidos, dos quais foram reportados mais de uma centena em toda a Síria.

 

Fonte: G1

A candidata democrata Hillary Clinton tem uma vantagem de quatro pontos percentuais sobre o republicano Donald Trump no momento em que se aproxima o primeiro debate presidencial nos Estados Unidos, segundo a mais recente pesquisa nacional da Reuters/Ipsos, divulgada nesta sexta-feira (23). A pesquisa de opinião realizada entre 16 e 22 de setembro mostra que 41% de prováveis eleitores apoiam Hillary, enquanto que 37% estão com Trump. Hillary tem ficado na frente de Trump na pesquisa durante a maior parte da campanha em 2016, mas a vantagem dela tem se reduzido desde as convenções nacionais democrata e republicana, em julho. O levantamento tem um intervalo de credibilidade, uma medida de precisão, de três pontos percentuais, o que significa que os resultados poderiam variar para mais ou para menos nessa faixa. A apenas seis semanas das eleições de 8 de novembro, o debate da próxima segunda-feira na Hofstra University, em Hempstead, em Nova York, será o primeiro dos três entre os rivais que disputam a Casa Branca. Ele representa uma grande oportunidade para os candidatos convencerem eleitores que ainda não definiram a sua opção, depois de uma campanha na sua maior parte negativa, em que Hillary e Trump buscam retratar um ao outro como pessoas que não inspiram confiança, perigosas para o país. O debate, que será transmitido ao vivo pela TV, deve atrair uma audiência de 100 milhões de norte-americanos, o equivalente a uma audiência de Super Bowl, segundo alguns analistas. Indecisos Entre os espectadores haverá pessoas que até agora têm permanecido indecisas. Esse pode ser um grupo de razoável tamanho: cerca de 22% de prováveis eleitores afirmaram na última pesquisa não apoiar nenhum dos candidatos dos principais partidos. Isso é mais do que o dobro da proporção de eleitores nessa situação no mesmo momento da campanha de 2012 entre o presidente Barack Obama e o republicano Mitt Romney. A pesquisa Reuters/Ipsos é feita on-line, em inglês, nos EUA continental, Alasca e Havaí. Ela ouviu 1.559 pessoas que foram consideradas prováveis eleitores, dado o histórico delas em eleições, o status do registro e a intenção declarada de comparecer no dia da votação.

 

 

Fonte: G1

Notícias mais lidas

Quem Somos

A Radio Nocaute tem como principal meta, tocar os sucessos mais antigos em sua programação, não deixando é claro de tocar os sucessos da atualidade. Nossa programação é feita com 60% de músicas antigas. Trabalhamos com muito carinho para oferecer uma programação diferenciada aos nossos ouvintes.
Saiba mais

 

Nossa Newsletter

Cadastre-se e receba nossas novidades e promoções em seu e-mail!

Siga-nos pelo Facebook