Equipe
Rádio Nocaute

Rádio Nocaute

A estrela colombiana Shakira adiou sua turnê europeia do disco "El dorado" até 2018 por causa de uma hemorragia nas cordas vocais. Shows previstos para as próximas semanas foram cancelados. A cantora já tinha cancelado cinco apresentações - incluindo uma marcada para esta terça (14) em Amsterdã - e agora anunciou a suspensão até o ano que vem do restante da turnê. Os próximos shows aconteceriam na França, Espanha e Portugal. Segundo um comunicado, por causa da hemorragia nas cordas vocais, Shakira foi aconselhada a suspender qualquer atuação para se recuperar adequadamente e evitar danos adicionais. "Embora esteja muito decepcionada com tudo isso, Shakira está trabalhando para se recuperar e deseja voltar aos palcos com sua melhor atuação. Shakira segue agradecida pela lealdade, paciência e apoio que seus admiradores demonstraram durante este momento tão difícil", acrescenta a nota. Esta seria a primeira turnê que Shakira iria realizar após vários anos longe dos palcos. A série de shows foi anunciada após o lançamento de "El dorado", o 11° disco de sua carreira.

 

Fonte:  G1

Um cabeleireiro de 21 anos foi preso em flagrante por tráfico de drogas em Belo Oriente, na noite dessa segunda-feira (13). De acordo com a Polícia Militar, o suspeito foi abordado no Distrito de Perpétuo Socorro próximo ao carro dele. No veículo, os militares encontraram dentro de uma mochila uma barra de maconha. Outros 19 tabletes da droga foram apreendidos no salão de beleza, onde o suspeito trabalhava. Além da droga, o carro do cabeleireiro também foi apreendido. O suspeito foi encaminhado à delegacia de Ipatinga.

 

Fonte: G1

Terça, 14 Novembro 2017 11:07

Terremoto mata 450 pessoas no Irã

O presidente do Irã, Hassan Rouhani, visitou nesta terça-feira (14) algumas das áreas mais afetadas pelo terremoto de domingo (12) e prometeu ajuda governamental para a reconstrução. O número de mortos subiu para 530 e o de feridos para 8 mil, de acordo com a agência estatal Irna. Rohani se deslocou até a cidade de Sarpol-e Zahab, que fica na província de Kermanshah, a mais atingida pelo terremoto de 7,3 de magnitude. Cerca de 430 pessoas morreram nesta região onde o chefe de estado supervisionou as operações de resgate e se reuniu com os afetados.Em sua chegada a Kermanshah, capital provincial, o presidente iraniano garantiu que foram mobilizados todos os recursos do governo para fazer frente à crise e anunciou que serão proporcionados empréstimos às pessoas que precisem reconstruir seus lares. "O governo acelerará este processo para que possa ser feito no menor tempo possível", afirmou Rouhani, segundo um comunicado da presidência iraniana. Cerca de 30 mil casas ficaram destruídas, segundo a emissora de televisão estatal, e o fornecimento de água e luz segue cortado nas áreas mais atingidas. Mansoureh Bagheri, funcionário do Crescente Vermelho (instituição humanitária associada ao comitê internacional da Cruz Vermelha), afirmou à BBC que 12 mil imóveis ficaram completamente destruídos. Embora o epicentro tenha sido registrado a 22,4 km de Derbendîxan, no Iraque, a maior parte das vítimas foram iranianas. O Iraque contabilizou oito mortes e 300 feridos na região do Curdistão iraquiano, sendo que a província iraniana de Suleimaniya foi a mais atingida. Moradores da Turquia, de Israel e do Kuwait também sentiram o abalo, mas não houve registro de estragos ou vítimas. Esse já é o tremor que mais deixou mortos em 2017, superando o número de vítimas do sismo que atingiu o México em setembro. A Fundação de Moradia da Revolução Islâmica será a encarregada do processo de reconstrução e com ela, segundo Rouhani, colaborarão todos os funcionários governamentais, militares e ONGs. O presidente também agradeceu ao Exército, aos Guardiões da Revolução, ao Crescente Vermelho, às organizações de socorro e a vários ministérios por seu trabalho para "resolver o problema da água, da eletricidade e das estradas, e para salvar as pessoas debaixo dos escombros e levá-las aos hospitais". "Não há um iraniano que não esteja pensando hoje no povo de Kermanshah", ressaltou o presidente. Durante sua visita, ainda estão previstos uma reunião com os organismos que estão administrando a crise e o encontro com as autoridades locais de Kermanshah. A população se mobilizou para doar sangue para os feridos, que superam os 7.000, e organismos como o Crescente Vermelho se prontificaram a enviar ajuda humanitária às dezenas de milhares de pessoas que seguem em barracas de campanha devido à perda das suas casas ou pelo temor das réplicas.

 

 

Fonte: G1

Um mototaxista de 49 anos foi assassinado a tiros na tarde desta sexta-feira (10) em Nanuque (MG). Segundo a Polícia Militar, Edilson Alves Macedo foi morto no Bairro Residencial Nak Nuk e os dois suspeitos do crime fugiram a pé e entraram em um matagal, mas foram capturados. Ainda de acordo com a PM, um jovem de 22 anos, com passagens por tráfico de drogas e lesão corporal foi preso. Um adolescente de 16 foi apreendido; ele também possui passagens por tráfico de drogas e lesão corporal. Dois revólveres, de calibre 32 e 38, foram apreendidos com os suspeitos. A motivação do crime não foi divulgada até a publicação desta matéria. Após o trabalho da perícia, o corpo será encaminhado para o IML de Teófilo Otoni.

 

 

Fonte: G1/Vales

A Polícia Civil de Minas Gerais iniciou, ontem (7), um mutirão, em parceria com a Universidade Vale do Rio Doce (Univale), para ouvir, aproximadamente, 350 suspeitos de estarem se passando por pescadores, a fim de obter o recebimento fraudulento de indenizações devidas em decorrência do rompimento da estrutura de contenção de rejeitos da barragem de Fundão, a qual era operada pela empresa Samarco, em Mariana. O Inquérito Policial foi instaurado em setembro deste ano a pedido do Ministério Público, que recebeu a denúncia de que pessoas estariam se passando por pescadores para receberem indevidamente a indenização paga aos profissionais da pesca atingidos. De acordo com a Delegada responsável pela Delegacia Especializada em Falsificações e Defraudações, em Governador Valadares, Juliana Fiúza, aproximadamente, 350 pessoas, que já estariam recebendo as indenizações, estão sendo investigadas pelo crime de falsidade ideológica e devem ser ouvidas para averiguação. Ainda de acordo com a Delegada, visando dar celeridade ao Inquérito Policial, foi realizada parceria junto à Univale, que cedeu cerca de 15 estudantes e estagiários do núcleo de assistência jurídica da Universidade para auxiliarem nas oitivas. Além dos estudantes, mais quatro policiais civis, sendo dois escrivães, um investigador e a Delegada responsável, estão empenhados na realização desse mutirão, que deve seguir até a próxima terça-feira (14). Após as oitivas, será dado prosseguimento às investigações a fim de apurar o caso, com o posterior encaminhamento ao Poder Judiciário, visando à responsabilização dos possíveis fraudadores.

 

Fonte: Policia Civil de Minas Gerais

Um protesto interditou a linha férrea em Governador Valadares (MG), na altura do Bairro Cardo, por cerca de três horas nesta quarta-feira (8). Os manifestantes pertencem ao Movimento dos Atingidos por Barragens e cobraram maior agilidade para que a Samarco recupere a Bacia do Rio Doce após o rompimento da barragem de Fundão, ocorrido há dois anos. Entre as reivindicações do grupo também está o reconhecimento dos atingidos pela tragédia, tais como pescadores, produtores rurais, ilheiros e barranqueiros. Além disso, também cobram o fornecimento de água de qualidade em algumas localidades que foram afetadas pelo desastre ambiental e querem a participação dos atingidos nos processos de negociação e recuperação ambiental. Os manifestantes carregavam diversas faixas e cartazes du Eles se retiraram do local após a chegada de uma ordem judicial determinando a liberação da linha férrea. Procurada pela reportagem, a Vale informou que as reivindicações dos manifestantes não têm relação com as operações da empresa ou da estrada de ferro Vitória a Minas. Informou também que repudia quaisquer manifestações violentas que coloquem em risco passageiros, empregados e operações e ratifica que obstruir ferrovia é crime. A Vale, não informou se o manifesto acarretou paralisação de viagens, mas afirmou ter impactado no tráfego ferroviário. Já a Fundação Renova informou que elaborou, por meio de construção conjunta, uma proposta de indenização coletiva para os pescadores, que teve como base estudos que indicaram a renda média para cada categoria de pescador. O órgão disse ainda que até o momento foram pagos cerca de R$ 500 milhões em auxílios e indenizações em Minas e no Espírito Santo.

 

 

Fonte:  G1/vales

Um tiroteio foi registrado neste domingo (5) em uma igreja batista na pequena cidade de Sutherland Springs, no Texas, Estados Unidos. O policial Paul W. Pfeil, declarou não ter um número total de mortos e feridos, mas que são "mais de 20 mortos". Suspeito abriu fogo durante culto de domingo na Primeira Igreja Batista da cidade de Sutherland Springs às 11h30 do horário local (15h30, pelo horário de Brasília). Vítimas: Segundo a polícia, mortos passam de 20. Números oficiais de feridos ainda não foram divulgados Atirador: O Departamento de Polícia de Guadalupe declarou que o atirador morreu após uma pequena perseguição. Não foi informado se ele foi morto pela polícia ou se cometeu suicídio. Atendimento: Diversos hospitais da região estão recebendo feridos e não há informações sobre estado de saúde dos pacientes. Mais cedo a rede americana CNN, citando Albert Gamez Jr, membro da polícia local, declarou que seriam 27 mortos e 24 feridos. Ele citou um membro do atendimento médico como sua fonte. Megan Posey, porta-voz do hospital Connally Memorial Medical Center, declarou não ter um número exato de quantos pacientes o hospital recebeu, mas disse que ainda estavam chegando feridos. Ainda de acordo com a CNN, o atirador foi morto após uma breve perseguição policial por uma região próxima. Robert Murphy, porta-voz da polícia do condado de Guadalupe, não soube dizer se ele foi morto pela polícia ou se cometeu suicídio. De acordo com a CNN, o FBI também está no local. De acordo com uma testemunha ouvida pela KSAT, afiliada da rede ABC no local, um homem entrou na Igreja Batista e abriu fogo por volta das 11h30 do horário local (15h30, pelo horário de Brasília). Ainda de acordo com a TV, há uma forte presença da polícia e dos bombeiros na igreja e helicópteros foram ao local para transportar vítimas a hospitais.

 

Fonte:  G1

O mais famoso trio sertanejo de todos os tempos, o Trio Parada Dura, estará presente hoje sexta-feira dia 03/11/2017 no parque de exposições na cidade de Manhuaçú para apresentarem mais um grande e imperdível show. Creone Parrerito e Xonadão mostarão para o público presente seu novo show com 03 músicas inéditas, dentre elas a música "Aceita que dói menos" gravada com a participação especial da cantora Marília Mendonça. O palco já está montado e todos os integrantes da empresa Mafra já estão trabalhando na montagem de tonelas de equipamentos de som. Com certeza será um grande show e voce não pode perder.

 

 

 

 

 

A queda de parte de uma ponte provisória em Laranjal, cidade que fica a cerca de 30 km de Muriaé, na região da Zona da Mata, deixou entre 30 e 40 pessoas feridas, nesta quinta-feira (2), de acordo com informações preliminares do Corpo de Bombeiros. Segundo a corporação, o acidente aconteceu durante um evento religioso com a presença do pastor Valdemiro Santiago, fundador da Igreja Mundial do Poder de Deus. Os bombeiros estimam que entre 15 e 20 mil pessoas participavam do culto. As vítimas estavam sobre a ponte no momento em que ela caiu. O Corpo de Bombeiros afirmou que no local do evento foram montadas barracas no meio da rua, o que pode ter atrapalhado a circulação e gerado um acúmulo de pessoas em cima da estrutura, que não suportou o peso. O sargento Wanderley Lima Freitas, da Polícia Militar (PM), que participou do socorro às vítimas, disse que três pessoas sofreram fraturas expostas, mas ninguém corre risco de morrer. Ele explicou que o acidente ocorreu depois das 13h, quando os fiéis deixavam o local do culto. "Eles pararam para se alimentar onde foi instalada a praça de alimentação. Alguns ficaram em pé em cima da ponte e parte cedeu", contou. A Igreja Mundial do Poder de Deus foi procurada, por telefone, mas ainda não se posicionou sobre o acidente. Feridos Dez vítimas foram encaminhadas para o Hospital São Paulo, em Muriaé. Seis delas foram medicadas e liberadas. Outras três estão em observação e um ainda segue internado na unidade. O estado de saúde das pessoas que continuam no local não foi informado. Outras oito vítimas foram levadas para a Casa de Caridade Leopoldinense, em Leopoldina, sendo que três delas estão internadas e outras cinco recebem tratamento na área de emergência do hospital. Todos os pacientes foram avaliados como estáveis, de acordo com a Casa de Caridade Leopoldinense. As demais vítimas foram atendidas em unidades de saúde de Laranjal com ferimentos leves e liberadas. De acordo com o sargento, pastores acompanharam os feridos aos hospitais da região. "A igreja prestou toda a solidariedade, não abandonou os fiéis. Uma das vítimas não tinha acompanhante e o pastor foi para acompanhá-la", comenta o policial. Vistoria Ainda segundo o Corpo de Bombeiros, o local foi vistoriado pela última vez na tarde dessa quarta-feira (1º) e recebeu a liberação da corporação por ter atendido todas as exigências e medidas preventivas. A ponte teria sido construída especificamente para atender ao evento.

 

Fonte:  O Tempo

A educação pode mudar o destino das pessoas e abrir novos caminhos ao longo da vida. Na busca para adquirir conhecimentos e vencer desafios, detentos que cumprem pena no Centro de Recuperação Agrícola Sílvio Hall de Moura, em Santarém, no oeste do Pará, estão se preparando para as provas do Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja) e do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) para Pessoas Privadas de Liberdade (PPL). Na casa penal, há uma escola e biblioteca onde eles participam de aulões preparatórios com o conteúdo ministrado por professores contratados pela Secretaria de Educação do Estado (Seduc). Do 853 detentos, cerca de 130 participam do ensino regular, dividido nas modalidades de alfabetização, ensinos fundamental e médio e revisões. Para o coordenador de educação do presídio, Delson Mourão, as aulas dão para os internos a oportunidade de escreverem novas histórias após o cumprimento da pena, além do retorno à sociedade. “A gente percebe muito interesse por parte deles, até porque eles estão privados de liberdade e é um momento que eles se sentem à vontade aqui na sala de aula, adquirindo conhecimento. Lá fora isso fará diferença”, disse. Para participar das atividades escolares, é necessário que os presos apresentem, primeiramente, bom comportamento e demonstrem interesse em estudar. “Uma vez escolhidos os nomes, eles passam por uma triagem e a última pessoa que confirma a situação dele para estudar é o diretor da casa penal”, explica Delson. Com a aprovação, os internos passam a frequentar as salas de aulas e receber acompanhamento de profissionais de educação da casa penal. A cada 12 horas estudadas é retirado um dia na pena. De acordo com a coordenação de educação, este ano, 12 presos vão fazer as provas do Encceja para certificação do ensino fundamental e 19 para o ensino médio. As provas serão aplicadas nos dias 20 e 21 de novembro na própria penitenciária. Com as certificações, eles ficam aptos a prestar o maior vestibular do Brasil, o Enem. A inscrição é realizada pelo setor de educação, com aval da justiça. A maioria das pessoas acredita que a vida de um interno fica parada, enquanto ele cumpre a pena. Mas, na penitenciária de Santarém, 40 presos dos regimes semiaberto e fechado se inscreveram no Enem este ano e estão se preparando para as provas. O número está abaixo do registrado em 2016, porém a expectativa do setor de educação do presídio é que todos os candidatos façam o exame. Em 2016, a Superintendência do Sistema Penitenciário do Estado do Pará (Susipe) registrou 50 inscrições, mas só 29 participaram da avaliação. Desse total, quatro tiveram notas consideradas excelentes e um dos internos foi aprovado em engenharia civil em Santarém. O obidense Iúdson Maicon da Conceição, de 22 anos, cumpria pena por tráfico de drogas no regime fechado quando recebeu a notícia da aprovação em uma faculdade privada. Ele não pôde iniciar as aulas. Este ano, já no regime semiaberto, ele vai fazer novamente o Enem e tentar ser aprovado no curso de direito. “Em relação a quem está lá fora a gente leva uma desvantagem muito grande, então exige muito mais esforço e preparação. Vou em busca de uma média melhor”, contou.

 

 

Fonte:  G1

Quem Somos

A Radio Nocaute tem como principal meta, tocar os sucessos mais antigos em sua programação, não deixando é claro de tocar os sucessos da atualidade. Nossa programação é feita com 60% de músicas antigas. Trabalhamos com muito carinho para oferecer uma programação diferenciada aos nossos ouvintes.
Saiba mais

 

Nossa Newsletter

Cadastre-se e receba nossas novidades e promoções em seu e-mail!

Siga-nos pelo Facebook