• Whatsapp:
  • (33)9.9913-6056

Portuguese English Spanish
  • 1

    1

  • 2

    2

  • 3

    3

Ribeirinhos bloqueiam ferrovia no Leste de Minas após redução no auxílio aos atingidos pela tragédia de Mariana

Cerca de 60 moradores de Pedra Corrida, distrito da cidade de Periquito (MG), bloquearam a linha férrea da Vale na manhã desta quarta-feira (6). Com cartazes, os manifestantes protestavam contra a redução de 50% no pagamento de auxílio financeiro recebido pelos impactados pelo rompimento da barragem de Fundão, em 2015. Patrícia Oliveira, presidente da Associação de Pescadores e Ilheiros da comunidade explica que a medida impactou a subsistência dos trabalhadores locais, que perderam sua fonte de renda após a contaminação do rio Doce por rejeitos de minério da Samarco. “A situação de hoje dos moradores de Pedra Corrida não é agradável. A Fundação Renova cortou 50% do pagamento de todos os ribeirinhos do nosso distrito, que foi muito impactado porque o nosso rio Doce passa dentro de Pedra Corrida”, explica a presidente da associação. Patrícia diz ainda que a medida já havia sido anunciada pela Fundação Renova, mas que a instituição havia dito que, antes que a redução de valores fosse implementada, seria apresentado documento sobre as condições de potabilidade do rio. O grupo bloqueou a linha férrea por volta de 6h40. Cerca de três horas depois, os manifestantes começaram a deixar o local após a chegada da Polícia Militar, que informou que a Vale possui liminar que impede o bloqueio da ferrovia.

 

Fonte: G1

Please publish modules in offcanvas position.